INíCiO…

NOVO ÁLBUM "GRIGA"

Griga, o meu novo disco, é um upgrade a Passaporti e está recheado de convidados: Bdjoy, Carlão, Neuro MC, Sonny Rap, Helio Batalha, Dino D’Santiago, AC Firmino, Toni Rex, Sagaz, Mista Badia, Primero G, Maria Tavares, Charlie Beats, Prod Therapia, Ildo Lobo, Orlando Pantera, DJ X-Acto, Ary (Blasted Mechanism) toma conta de Bass line no tema “Sol na Céu” e também da mistura e masterização do álbum, Na arte gráfica contei com o meu amigo Silvio Rosado para a concepção da capa de Griga .

Cada vez mais ligado às minhas raízes cabo-verdianas, o rapper que anteriormente conhecias apenas por Karlon responde agora pelo nome Karlon Krioulo.

Griga é o nome de uma ama que tomava conta de mim na Pedreira dos Húngaros (Miraflores) enquanto a minha mãe ia trabalhar. O trabalho da Griga era apanhar papelão e vender, era uma trabalho muito comum nos jovens também. Ela chamava-me sempre maroto. Gostava muito da energia e simpatia que ela me transmitia e fazia-me um café da Ilha do Fogo do qual ainda hoje queria beber.

Quando o bairro acabou e fomos realojados para os Guettos Verticais, em 1998 — esta dica é de um amigo meu chamado Orpheu — perdi o contacto dela e nunca mais a vi. Depois vím a saber da noticia de que tinha morrido. Era uma senhora muito sábia. Daí esta minha homenagem.

O disco foi inteiramente produzido por mim com excepção de três temas. Dois deles produzidos pelo Charlie Beats — o “Foi Sodadi” tem a colaboração de outros músicos — e outro produzido por Prod Therapia, que é o tema “11º Ilha”, com o Primero G. Os outros oito temas foram compostos por mim. As sonoridades foram fluindo consoante os samples que ia usando. O sample esteve no comando e o resto foi-se construindo.

Nu bai